artigo recomendado


Codato, A., Lorencetti, M., & Prata, B. (2021). Elites políticas e representação: uma investigação da literatura contemporânea sobre políticos profissionais. Revista Brasileira de Informação Bibliográfica Em Ciências Sociais – BIB, 95, 1–23.
Political representation is one of the major longstanding issues in Political Science, encompassing both voters and representative institutions and the agents who, in pluralist democracies, operate these institutions: professional politicians. This article maps the international literature on professional politicians. 560 articles published between 2015 and 2018 in 263 scientific journals indexed on the Web of Science database were analyzed. To understand the existing patterns within this literature, the bibliometric network analysis software VOSviewer was used. Two types of networks were analyzed: co-occurrence of keywords to identify recurring as well as most recent researched topics; and bibliographic coupling between documents to identify not only clusters in this literature, but also the most influential works. The results showed the endurance of classic issues in the field (intra-elite interactions, political parties, elections, congress), in addition to a new agenda addressing Political Communication. The most impactful work in this collection is on populist politicians and social media.
Keywords: Political representation; Professional politicians; Political science; Scientometrics; VOSviewer
__________________________________________________________________________________

23 de dezembro de 2022

Medindo a Ciência Política brasileira: uma exploração inicial através do h índice


[imagem de 



















Medindo a Ciência Política brasileira: uma exploração inicial através do h índice
DOI: 10.13140/RG.2.2.16372.83844

Conference: 46o. Encontro anual da ANPOCS: 
MR08. Circulação e impacto nas ciências sociais contemporâneas
At: Campinas - SP
Affiliation: University of Campinas
October 2022

Adriano Codato
Dalson Figueiredo
Gabryela Gabriel
Nilton Sainz
Rodrigo Silva

Project: The scientific field of Brazilian Political Science

RESUMO

A pesquisa é um trabalho em curso com dados ainda muito preliminares. O objetivo é entender, a partir de um critério quantitativo, as hierarquias que se formam em um determinado espaço científico. A partir da replicação dos procedimentos do artigo de Kim e Grofman 2019 (The Political Science 400: With Citation Counts by Cohort, Gender, and Subfield), mensuramos o número de citações no Google Scholar dos sujeitos da pesquisa (docentes nos Programas de CP, RI, PP, Defesa no Brasil. N = 195). Os dados foram coletados de modo automatizado através de uma rotina em R que permitiu a raspagem automática das informações do Google Scholar de três indicadores: total de citações; h índice; i10. Os dados foram agrupados por Programas de pós graduação e por indivíduos. Nesse caso, o atributo analisado até o momento foi o gênero do(as) pesquisadores(as). Considerando o Índice h: não há diferença significativa entre o impacto científico de homens e mulheres, apesar da ligeira vantagem dos homens. Quanto maior a nota CAPES do Programa de pós-graduação, mais há pesquisadores(as) de destaque, o que sugere uma coerência entre duas escalas diferentes de prestígio, institucional e individual (CAPES e N de citações).


Definition: (Hirsch JE (2005) An index to quantify an individual's scientific research output. Proceedings of the National Academy of Sciences 102:16569-16572, doi: 10.1073/pnas.0507655102 

A scientist has index h if h of his or her Np papers have at least h citations each and the other (Np - h) papers have ≤ h citations each.


download

.

12 de dezembro de 2022

cor, gênero e ambição política no Brasil

[Brasil de Fato
Foto: Joka Madruga] 



como citar:

Codato, Adriano; Sainz, Nilton; Gabriel, Gabryela; Picussa, Roberta. (2022) ‘Cor, gênero e ambição política no Brasil’, in Inácio, M. and Oliveira, V. E. (eds.) Democracia e eleições no Brasil: para onde vamos? São Paulo: Hucitec, pp. 63–76. 



RESUMO

Os processos que culminam na oferta das candidaturas e delineiam o perfil dos possíveis eleitos são centrais na análise da representatividade do sistema político. Esse aspecto é discutido aqui sob a ótica dos vieses da representação política e as interseções entre sexo, cor e ambições dos parlamentares em suas carreiras legislativas. Com base nos parlamentares eleitos em 2014 e suas escolhas eleitorais em 2018, analisamos o sucesso eleitoral de parlamentares não brancos (pardos e pretos) e parlamentares mulheres na disputa por cargos mais elevados. Os resultados do estudo não indicam um viés étnico-racial quando se trata do sucesso ou insucesso na disputa dos parlamentares por cargos mais elevados, mas apresentam evidências de que as deputadas pretas e pardas disputam menos esses cargos e optam mais pela reeleição. Nossos resultados apontam as dificuldades à maior diversidade política para além das barreiras existentes na fase do recrutamento político. Há impedimentos à circulação de minorias no interior das instituições representativas e à ascensão delas às posições mais altas do sistema político brasileiro.



Disponível em:



.

recepção de Pierre Bourdieu na ciência política

[Pierre Bourdieu au Collège de France, le 23 mai 1985.
Photo : Vincent Leloup/Divergence] 



como citar:

Codato, Adriano; Bittencourt, Maiane; Perich, Rafael; Silva, Rodrigo (2022) ‘Uma análise bibliométrica da recepção de Pierre Bourdieu na ciência política’, Educação e Pesquisa, 48. https://doi.org/10.1590/S1678-4634202248255565por 



RESUMO

Pierre Bourdieu é o autor com a reputação mais bem estabelecida nas ciências sociais, em especial na Sociologia. Mas qual é a recepção de Bourdieu na ciência política? Se tomamos as citações aos seus livros nos periódicos mais importantes da área ela é inexistente. Por outro lado, há inúmeras pesquisas na França, no Brasil, na Argentina, no Chile, etc., sobre o campo do poder inspiradas por sua Sociologia da vida política. Este artigo investiga a presença e a influência do autor na ciência política publicada fora dos periódicos de maior impacto na disciplina. Partindo de uma base ampla de 25.475 documentos indexados na base Scopus que mencionam Pierre Bourdieu nas referências bibliográficas, analisamos 355 artigos que utilizaram seus conceitos-chave conectados à política, tais como campo político, Estado e poder simbólico. Verificamos que mesmo quando há citações aos escritos de Bourdieu, não são os trabalhos vinculados à sua sociologia da política que são referidos. Um estudo detalhado do contexto das citações para os vinte artigos mais citados desses 355 documentos mostrou que as referências a Bourdieu eram majoritariamente positivas e que havia mais menções de reconhecimento baseadas na autoridade do autor do que de corroboração com base em sua teoria. A influência das ideias de Bourdieu sobre os trabalhos analisados foi superficial em 17 dos 20 casos.

  
ABSTRACT

Pierre Bourdieu has a firmly established reputation within the social sciences, particularly in the field of Sociology. But how has Bourdieu been received in the field of Political Science? If we look at the most important journals in the area, citations to his books are practically non-existent. On the other hand, many researches devoted to the field of power in France, Brazil, Argentina, Chile, etc., have been inspired by Bourdieu’s Sociology of political life. This article explores the author’s presence and influence on political science publications outside of mainstream journals. Stemming from an extensive database of 25,475 documents indexed in the Scopus database that mention Pierre Bourdieu in the bibliographic references, we analyzed 355 articles that used his key concepts for political analysis, such as political field, State, and symbolic power. We found that even when Bourdieu’s writings are cited, the works referenced are not connected to his sociology of politics. A contextual analysis of the 20 most cited articles of these 355 documents revealed that references to Bourdieu were mostly positive. Furthermore, acknowledgments of the author’s authority were more common than corroborative arguments based on his theory. The influence of Bourdieu’s ideas on the works analyzed was superficial in 17 of the 20 cases.



download





 .

1 de outubro de 2022

Uma Nova Classificação Ideológica dos Partidos Políticos Brasileiros

[The Flerlage Twins] 


Como citar:
Bolognesi, Bruno, Ribeiro, Ednaldo and Codato, Adriano. Uma Nova Classificação Ideológica dos Partidos Políticos Brasileiros. Dados [online]. 2023, v. 66, n. 2 [Accessed 1 October 2022] , e20210164


RESUMO
Assim como a política democrática se modifica, a percepção sobre os partidos que ela compõe também se altera. O objetivo desse trabalho é oferecer uma classificação ideológica nova e atualizada dos partidos políticos brasileiros. Através de um survey aplicado à comunidade de cientistas políticos em 2018, pedimos que classificassem os partidos na dimensão esquerda-direita e também quanto ao seu principal objetivo: a persecução de votos, de posições de governo ou de políticas. Os resultados apontam para um movimento centrífugo do sistema partidário, com a maioria dos partidos caminhando para a direita, e para o predomínio de partidos que podem ser classificados como fisiológicos, priorizando a díade votos-cargos e desprezando a programaticidade.

palavras-chave: partidos políticos; ideologia política; survey; modelos de partido; eleições


download
 .

outsiders na política


[Sérgio Moro e Jair Bolsonaro
AFP] 


Como citar
Picussa, R., & Codato, A. (2022). Outsiders na política: uma visão geral. In SciELO Preprints. https://doi.org/10.1590/SciELOPreprints.4533


Abstract
Introduction: What is a political outsider and what is the relevance of this phenomenon in the contemporary political scenario? While the political success of individuals who build their careers outside established parties is not a novel phenomenon, it has become increasingly widespread since the 2010s, both in Brazil and in Europe. 

Materials and methods: Through a review of the specialized Political Science literature on the subject, we sought to establish the baselines for a conceptual definition of the political outsider and address how the phenomenon has been empirically analyzed. 

Results: Conceptually speaking, two dimensions proved to be essential for identifying outsiders: party affiliation and professional occupation. The first verifies the individual’s position in relation to the party system, whether they gained political prominence within or outside established parties, while the second identifies whether the individual had an occupation within the arena of institutional politics prior to running in an election. As for the empirical analyses of outsiders in politics, we found a lack of conceptual rigor in most of the reviewed studies when classifying certain political actors as outsiders. 

Discussion: Some conceptual and methodological challenges remain when striving to study the phenomenon, such as how to extend the concept to presidential candidates or to studies about outsiders in parliaments. Another issue is how to circumscribe the phenomenon among other correlated phenomena, such as the rise of populist leaders and/or parties and, above all, the electoral discourse of outsiders: while this is not an essential trait of the outsider, the anti-establishment rhetoric is almost invariably present through a denial of both traditional politics as well as career politicians.

Keywords: outsiders, populism, political discourse, political parties, narrative review

.

29 de agosto de 2022

teses e dissertações de Ciência Política no Brasil





Sainz, N., Silva, R. da e Codato, A. (2022) “Análise do perfil das teses e dissertações de Ciência Política no Brasil (2013-2020)”, SciELO Preprints [Preprint]. doi:10.1590/SciELOPreprints.4565.



A pós-graduação em Ciência Política no Brasil se desenvolveu bastante desde os anos 2000 passando de três cursos de doutorado para onze. Com isso surgiram também uma série de estudos sobre a configuração intelectual da área e o perfil dessa comunidade. Porém, nas análises desse campo de conhecimento, esses estudos utilizaram como fonte quase exclusivamente artigos de pesquisa publicados em periódicos acadêmicos. Este paper explora outro tipo de dado: teses de doutorado e dissertações de mestrado defendidas em onze Programas de pós-graduação de Ciência Política entre 2013 e 2020. Investigando os metadados (títulos, resumos e palavras-chave) de 1.849 trabalhos de conclusão, nossa pesquisa mapeou os padrões e as hierarquias dessa produção científica, destacando as problemáticas, os objetos e as metodologias em vigor. A partir da análise de redes sociais, há três achados principais. Em termos metodológicos, as dissertações e teses dividem-se em dois universos bem estruturados, um empírico (conectado a “dados”) e outro teórico (conectado à noção de “interpretação”). Em termos de técnicas de pesquisa, os estudos de caso parecem prevalecer. Em termos temáticos, há três comunidades dominantes – “partidos e eleições”, “Estado e relações internacionais” e “políticas públicas” com uma vantagem para os estudos de instituições do Legislativo e do Executivo.



download

28 de junho de 2022

A Scientometric Review of Global Research on Political Elites

[Donald Trump
photo: medium, 2017] 



Codato, Adriano; Silva, Rodrigo; Perich, Rafael; Bittencourt, Maiane; Lorencetti, Mariana. 
A Scientometric Review of Global Research on Political Elites. 
Pléyade. Revista de Humanidades y Ciencias Sociales, v. 28, p. 56-83, 2021.



Political elites are a long-established research topic in the field of Political Science and Political Sociology. Several traditional literature reviews have been published on the subject, discussing the most employed methodologies, outlining the research panorama in specific countries, or making comparative assessments of the state of the art. In an attempt to acquire a clearer understanding of the intellectual landscape of the research on political elites, we performed a quantitative scientometric review of 921 papers published between 1958 and 2021 indexed in the Scopus database. The results showed that the number of articles published has increased rapidly, especially since 2010. The reference literature showed that political elites is a theme very closely associated with the performance of representative democracies. An overview of this study area showed that the bibliography is first ordered by countries or regions and later by subject. Among the many subjects discussed, studies about elites in former soviet nations stand out. As we look specifically into the production in Latin America, we find a research field structured around Chile and Brazil and a division between, on the one hand, Political Science studies and, on the other, Political Sociology studies heavily influenced by the French Sociology of Elites.



download
Research Gate (english version) 
Academia. edu (english version) 
.

27 de março de 2022

O poder dos Cabeças do Congresso


Salão Verde, Câmara dos Deputados, Brasil
fonte: https://www.archdaily.com.br/




Sainz, N., Codato, A., Gabriel, G., & Miranda, V. (2022). 
O poder dos Cabeças do Congresso: a ambição política e as chances eleitorais dos premiados do DIAP. E-Legis, 15(37), 58–78. 



The paper analyzes Brazilian Federal Deputies elected in 2014 and rewarded as “Heads” of Congress, i.e., those congressmen indicated by the Intersyndical Department of Parliamentary Assistance (DIAP) as the most active in the 55th legislature in Brazil (2015-2018). Considering DIAP’s awards as an indirect indicator of relevance and influence in the Legislature, this study investigates the relationship between being or not a “Head” of the National Congress and the political ambition of the deputy (whether progressive, static, or regressive) and then if this political capital becomes into competitive advantages in subsequent electoral contests (2016, 2018 and 2020). Chi-square independence tests showed that there is an association between ambition type and political capital in the 2018 general election (p < 0.001) and 2020 municipal election (p < 0.031), but not in the 2016 municipal election (p < 0.450). Relative risk and odds ratio tests revealed that there is no positive effect between being classified as a congressional political leader and good electoral performance for the group under analysis.




download
Research Gate (english version) 
Academia. edu (english version)

Ambição política

Rede de cocitação de autores mencionados na base 
Web Of Science sobre "political ambition"


Chapter
Full-text available


Sainz, Nilton; Perich, Rafael; Silva, Rodrigo; Codato, Adriano. 

Ambição política: análise cientométrica da literatura indexada na Web of Science

O estudo mapeou e analisou a estrutura do campo científico sobre ambição política na Ciência Política. Utilizamos como fonte de dados a base indexadora Web of Science. A busca sistemática resultou em 252 documentos publicados entre 1989 e 2021. Através de análises cientométricas, utilizamos Análise de Redes Sociais (ARS) para examinar as coocorrências de palavras e cocitações de autores. Os resultados principais revelaram a existência de um campo científico segmentado em duas correntes teóricas rivais.


December 2021
In book: Ciência política: o campo em discussão
Publisher: Massimo Editorial, p. 156-175.
ISBN: 978-65-84700-01-7





22 de março de 2022

Sociologia política, sociologia da política e ciência política


[Amilcar de Castro, gravura
fonte: https://bit.ly/36gyCKc] 



Chapter
Full-text available

Sociologia política, sociologia da política e ciência política: três abordagens sobre as elites parlamentares brasileiras

Luiz Domingos Costa Adriano Codato Renato Perissinotto Lucas Massimo

December 2021
In book: As teorias e o caso
Publisher: EdUFABC | ABCP
ISBN: 978-65-89992-02-8

CNPq Project: Political regimes, social hierarchies and political professionalization of Brazilian congressmen: a study of federal deputies since 1945


Consideramos, nesta revisão da literatura sobre o recrutamento político no Brasil, os trabalhos dedicados às elites parlamentares, sua origem, perfil, tipos de vínculo pessoais ou sociais, história, trajetória e estratégias para seguir adiante na carreira política. Apresentamos um quadro das formas de compreensão do recrutamento para destacar diferenças tanto teóricas, como empíricas e metodológicas entre três “escolas”: Ciência Política, Sociologia Política, Sociologia da Política.




download
[pdf] .

16 de janeiro de 2022

A profissão política: investigações sobre políticos profissionais no Brasil


[capa by Amanda Sangalli] 
















livro

Codato, Adriano; Gabryela Gabriel, Nilton Sainz, Maiane Bittencourt e Rodrigo da Silva (eds.) 
A profissão política: investigações sobre políticos profissionais no Brasil 
Curitiba: Massimo Editorial, 2021. 559 p. 


Desde a proposição clássica de Max Weber sobre os tipos de carreirismo político (Weber, 1994), são inúmeras as transformações na compreensão da profissão política e as mudanças históricas nos contornos sociográficos dos agentes da representação (Best and Cotta, 2000). Constantes câmbios nos perfis sociais, étnicos e de gênero da classe política, a enorme variedade dos seus itinerários antes e depois de ingressar nas casas legislativas, as múltiplas formas de ambição e carreirismo em função de diferentes contextos institucionais colocam o(a)s pesquisadore(a)s frente à necessidade de encontrar novas abordagens teóricas e novos expedientes metodológicos capazes de reenquadrar os dilemas da representação política e dos seus especialistas – os políticos profissionais. 

Vercesi (2018) resumiu a (imensa) literatura tradicional sobre a classe política em duas grandes formas de abordagens: i) actor-oriented e ii) context-oriented. A abordagem “orientada para o ator” inclui desde estudos biográficos de líderes destacados em comunidades políticas nacionais, análises psicológicas de personalidades públicas, pesquisas baseadas na teoria da ambição política individual, até investigações mais tradicionais sobre backgrounds sociais dos políticos e sobre processos de socialização no mundo político (Vercesi, 2018, p. 189 Table I). A abordagem “orientada para contextos” é focada nas estruturas de oportunidades oferecidas pelo sistema político aos agentes (isto é, como trajetórias de carreira são afetadas pela disponibilidade, acessibilidade e atratividade dos cargos políticos), em variáveis organizacionais (como as características de organizações como os partidos, por exemplo, definem formal e informalmente o espaço de manobra para os seus membros e a direção das carreiras) ou pelo mecanismo de oferta “espontânea” de indivíduos no mercado político e de demandas reguladas por political gatekeepers (Vercesi, 2018, p. 192, Table II). 

No atacado, esses são os parâmetros mais gerais desse campo de estudo. Contudo, há uma infinidade de temas emergentes no século XXI, tais como as novas formas de campanha e conexão com os constituintes através das redes sociais, a nova afluência de outsiders nos sistemas políticos tradicionais, as múltiplas formas de detenção e mobilização de capital eleitoral nas democracias etc. que impõem o seu estudo ou reestudo. 

Diante desse contexto, este livro, em formato digital, reuniu pesquisadores(as) dedicados(as) à pesquisa empírica sobre os políticos profissionais no I Colóquio do Observatório de elites: políticos profissionais em análise, organizado pelo Observatório de elites políticas e sociais do Brasil da UFPR em junho de 2021. O objetivo exclusivo foi debater assunções teóricas, estratégias metodológicas, técnicas de análise e formas de melhor circunscrever esse velho/ novo tema de estudo.





 .

16 de setembro de 2021

Elites políticas, ideologia e gasto público nas pequenas cidades brasileiras

[Coreto de Poços de Caldas (MG) 
Foto: Victor Imesi] 















artigo

(Political elites, ideology and public spending in small Brazilian cities)

Pesquisa e Planejamento Econômico 50(3):125-158 2020
DOI: 10.38116/ppe50n3art5

O artigo estuda o gasto público nos municípios brasileiros com menos de 5 mil habitantes para determinar se a ideologia política, tomando como indicador o partido político do prefeito, exerceu influência sobre as decisões do administrador municipal. Distinguimos entre políticas públicas reguladas e desreguladas, analisando gastos com educação, administração/planejamento e investimentos. As análises foram realizadas empregando-se a técnica de dados em painel pelo método de efeitos fixos. A amostra é formada pelos municípios que disponibilizaram seus dados na base de dados Finanças do Brasil da Secretaria do Tesouro Nacional (Finbra/STN), entre 2001 e 2012, totalizando 14.039 observações. Os resultados evidenciaram que pertencer a um partido de esquerda, centro ou direita não é um fator de diferenciação sobre os gastos da área de administração/planejamento e de educação em pequenas cidades brasileiras. Entretanto, os gastos com investimentos públicos foram maiores nos municípios brasileiros com menos de 5 mil habitantes quando os governos eram de centro e de direita, quando comparados com os de esquerda. 

 .