artigo recomendado


Lopez, Felix, & Almeida, Acir. (2017). Legisladores, captadores e assistencialistas: a representação política no nível local. Revista de Sociologia e Política, 25(62), 157-181.
O artigo analisa a representação política local, focando as percepções e práticas cotidianas dos vereadores. Em particular, analisam-se suas escolhas entre estratégias de representação clientelistas e universalistas. Utilizam-se dados originais de entrevistas abertas semiestruturadas com amostra não representativa de 112 vereadores de 12 municípios de Minas Gerais. Por meio de análise qualitativa, classificam-se os vereadores em três tipos, de acordo com sua principal estratégia de representação, a saber: “legislador”, que se dedica mais às funções formais da vereança; “captador”, que prioriza o atendimento de pedidos coletivos dos eleitores; “assistencialista”, que prioriza o atendimento de pedidos particulares. Os resultados sugerem que essas estratégias são qualitativamente distintas e que a probabilidade de ocorrência do tipo assistencialista é maior em municípios pequenos, crescente no acirramento da competição política e decrescente na volatilidade eleitoral.
__________________________________________________________________________________

26 de maio de 2009

pérolas de sabedoria social


[Arkansas Furniture, 1951.
Silk & Stackpole. Life]


“A classe social tende a aflorar na teoria pós-moderna como um item da tríade classe, raça e gênero, uma fórmula que rapidamente assumiu para a esquerda o tipo de autoridade que a Santíssima Trindade costuma exercer para a direita. A lógica desse encadeamento triplo é por certo evidente: o racismo é ruim, o sexismo idem, e por isso também o é algo chamado ‘classismo’. ‘Classismo’, nessa analogia, parece representar o pecado de estereotipar as pessoas com base em sua classe social, que, levado ao pé da letra, significaria que é politicamente incorreto definir Donald Trump como sendo um capitalista”.

Terry Eagleton, As ilusões do pós-modernismo. Rio de Janeiro: Jorge Zahar, 1998, p. 61-62.






ver mais:
uma apresentaçao ao autor [aqui]
uma biografia [aqui]
entrevista ao The Observer, 16 December 2007 [aqui]
The Limits of Liberalism, uma aula em Yale [aqui]
a conclusão de seu livro Ideologia:

uma introdução (UNESP: Editora Boitempo, 1997) [aqui]
.


Nenhum comentário: