artigo recomendado


Batista, Mariana. (2016). O Poder no Executivo: explicações no presidencialismo, parlamentarismo e presidencialismo de coalizão. Revista de Sociologia e Política, 24(57), 127-155.
Como a literatura vem analisando o Poder Executivo nos diferentes regimes políticos? A partir da diferença institucional básica entre presidencialismo e parlamentarismo pode-se identificar dois conjuntos de contribuições principais para o entendimento do funcionamento do Executivo em democracias: a literatura sobre a presidência americana e as discussões sobre os governos de coalizão no parlamentarismo europeu. O que os dois conjuntos de teorias têm em comum é a preocupação com a política intra-executivo. Esta literatura é analisada, identificando as principais questões, instituições, comportamentos e variáveis enfatizadas.
__________________________________________________________________________________

12 de fevereiro de 2009

o que é “causalidade metonímica”?


Essa expressão, proposta por Jacques Allain-Miller, indica que a estrutura (a “causa”) só existe concretamente através dos seus efeitos.

O caráter metonímico da causalidade estrutural reside, portanto, no fato de que a estrutura é imanente aos seus efeitos; i.e., de que toda a existência da estrutura consiste nos seus efeitos.

É nesse sentido que a estrutura se configura sempre como uma “causa ausente”.

As estruturas que compõem a “totalidade social” só existem concretamente, portanto, através de práticas, na medida em que é nas ações humanas que se materializam-se os valores estruturais.

Isso não significa, entretanto, que os agentes incorporam conscientemente tais valores. Os agentes são orientados inconscientemente pelas estruturas; estas permanecem portanto opacas para aqueles.

Somente a prática científica - sustentam os marxistas althusserianos - viabiliza o verdadeiro conhecimento das estruturas. Ao pesquisador incumbe buscar indícios das estruturas através da análise científica das instituições e dos aparelhos.

A.C.
.

Nenhum comentário: