artigo recomendado


Lopez, Felix, & Almeida, Acir. (2017). Legisladores, captadores e assistencialistas: a representação política no nível local. Revista de Sociologia e Política, 25(62), 157-181.
O artigo analisa a representação política local, focando as percepções e práticas cotidianas dos vereadores. Em particular, analisam-se suas escolhas entre estratégias de representação clientelistas e universalistas. Utilizam-se dados originais de entrevistas abertas semiestruturadas com amostra não representativa de 112 vereadores de 12 municípios de Minas Gerais. Por meio de análise qualitativa, classificam-se os vereadores em três tipos, de acordo com sua principal estratégia de representação, a saber: “legislador”, que se dedica mais às funções formais da vereança; “captador”, que prioriza o atendimento de pedidos coletivos dos eleitores; “assistencialista”, que prioriza o atendimento de pedidos particulares. Os resultados sugerem que essas estratégias são qualitativamente distintas e que a probabilidade de ocorrência do tipo assistencialista é maior em municípios pequenos, crescente no acirramento da competição política e decrescente na volatilidade eleitoral.
__________________________________________________________________________________

19 de novembro de 2008

parâmetros para uma análise empírica da relação entre idéias, elites e instituições

[Salão Verde. Congresso Nacional. Brasília - DF]

Adriano Codato
Politica & Sociedade, v. 7, p. 23-48, 2008.

O artigo propõe um conjunto de parâmetros para entender o comportamento político no Brasil na primeira metade do século XX. Partindo de um problema empírico bem circunscrito – a adesão e o apoio ideológico da elite política de São Paulo ao regime do Estado Novo (1937-1945) –, pretende-se pensar as relações mais gerais entre idéias, elites e instituições políticas. Destacam-se, assim, variáveis de dois tipos para localizar os agentes políticos no espaço social, entender suas predisposições mentais, como elas se formam e como inspiram e explicam suas ações. Variáveis estruturais, referidas ao funcionamento geral do mundo político, e variáveis históricas, referidas a esse mundo político em particular.

[clique aqui para ler o artigo]


Nenhum comentário: